27/01/2018

Lick + Play - Kylie Scott ( Série Stage Dive) #resenhadupla #mêsdaleitura


Oi oi povo!
Como eu já informei vocês no último post o #mêsdaleitura já começou. Será de 22/01 até 22/02. Não coloquei dias específicos para os posts mas é provável que o horário seja entre 12h e 14h, por conta das férias. Espero muito que vocês gostem!

Hoje é dia de mais uma resenha dupla, agora da série Stage Dive. Uma série com rockstars e celebridades, escândalos de famosos e pscinas!

Sinopse do livro Lick:
Uma noite de aventuras. Um casamento inusitado. E uma ardente história de amor... 

No impulso de uma noite de diversão e bebedeira em Las Vegas, Evelyn Thomas casou-se com um desconhecido. No dia seguinte, porém, ela se deu conta de que aquilo fora um terrível engano. Então, decidiu manter este pequeno deslize em segredo. O que Evelyn não sabia era que havia se tornado esposa do cobiçado David Ferris, guitarrista da famosa banda de rock Stage Dive. Agora, ao retornar para sua casa em Portland, era terá de enfrentar as perseguições de repórteres, fugir às loucuras das fãs do astro e ainda encarar sua família, que não demonstrou nenhum contentamento com o ímpeto matrimonial da jovem filha. 

Será que Evelyn conseguirá resistir às delícias de David a fim de permanecer como "a garota certinmha" ou decidirá embarcar nessa glamourosa aventura junto ao marido rockstar?




Sinopse do livro Play:
Ele precisava de uma namorada de mentira. Ela precisava de ajuda financeira. Mas será que eles vão conseguir não misturar os sentimentos com os negócios?

Mal Ericson, o baterista da mundialmente famosa banda de rock Stage Dive, precisa melhorar a sua imagem, e rápido. Ter uma boa garota ao seu lado parece ser o suficiente. Mal não planejava este artifício temporário se tornasse permanente; no entanto, ele não esperava encontrar o amor da sua vida.

Anne Rollings jamais pensou que conheceria o rockstar que inundava as paredes de seu quarto na adolescência - especialmente não naquelas circunstâncias. Anne está com problemas financeiros, e dos grandes. Porém, ser paga para ser a namorada de mentira de um selvagem e festeiro baterista não poderia terminar bem, não importa se ele é muito gostoso. 
Será que um final feliz é possível nesse caso?


O que falar sobre essa série que é uma das mihas favoritas de 2017? MUITO, MUITO AMOR!

Amei o começo da história, afinal, uma bebedeira que acaba em casamento com, ninguém mais, ninguém menos do que um rockstar mundialmente famoso e que nos proporcionam diversas cenas hilárias, já é um ótimo começo para uma série. Não é mesmo!?

"Eu acordei no chão do banheiro. Tudo doía. Minha boca parecia lixo e o sabor pior. O que diabos tinha acontecido na noite passada? A última coisa que eu lembrava era a contagem regressiva para a meia-noite e a emoção de fazer vinte e um, legal, finalmente. Eu tinha dançado com Lauren e conversado com um cara. Então BANG! 
Tequila. 
A linha inteira de copos de shot com limão e sal ao lado. " - Capítulo 1 (Lick)

Kylie tem uma narrativa maravilhosa, uma escrita que torna fácil o envolvimento do leitor, além de fazer a leitura fluir tão bem que se acaba devorando a série! Também são ótimas indicações de livros para fazer maratonas!

O romance de Evelyn e David é o começo da mudança da vida de TODA a banda. Acreditem!

Esse casal que cmeçou de forma inusitada descobre que são ótimos companheiros e que tem muito em comum. Assim, em meio a uma tentativa de divórcio mal sucedida, os dois descobrem a maravilha do amor e enfrentam muitas coisas juntos!

"Eu estava atrasada para o trabalho. Correndo como uma louca tentando ficar pronta. Corri para o banheiro, pulei no chuveiro. Dei a minha cara um bom esfoliante para me livrar dos restos de maquiagem de ontem à noite. Horrível, material duro. Ele me serviria bem se eu tivesse a espinha do inferno. Ontem à noite tinha sido um sonho bizarro. Mas essa era a vida real. Trabalho, escola e amigos. Meus planos para o futuro. Essas sempre foram as coisas que eram importantes. E eu só ficava dizendo a mim mesma que tudo ficaria bem e elegante." - Capítulo 18 (Lick)

Apesar de achar que alguns acontecimentos demoraram para se desenrolar durante a trama eu amei cada segunda dessa leitura, por isso eu não perdi tempo e parti para ler o segundo livro da série - Play.

Play, é a narrativa da história de Mal e Anne. Um casal muito divertido que também proporciona várias cenas hilárias. O começo dessa história pode não ter sido em Las Vegas, envolvendo tatuagens na bunda e muita bebida, mas é engraçada de uma forma única.

"David e eu não nos falamos depois disso. Mas todas as tardes, depois do trabalho, ele estava lá, esperando do outro lado da rua. Ele estava me olhando por debaixo da aba de seu boné de beisebol. Pronto para me perseguir para casa com segurança. Isso me irritou, mas de nenhuma maneira me senti ameaçada. Eu o ignorei por três dias, enquanto ele me arrastava. Hoje foi o dia de número quatro. Ele havia trocado sua calça jeans preta habituais por uma azul, botas por tênis. Mesmo à distância, o lábio superior e o nariz pareciam machucados. Os paparazzis ainda estavam desaparecidos da ação, embora hoje alguém tivesse me perguntado se ele estava na cidade. Seus dias de mover-se em torno de Portland como desconhecido provavelmente estavam chegando ao fim. Eu me perguntei se ele sabia." - Capítulo 19 (Lick)

Boa parte das cenas engraçadas desta história se dão pelo querido baterista Mal Ericson. Desde o apelido que ele dá para Anne até momentos em que ele finge transar com ela e os dois quebram a cama de Anne.

Tudo acontece muito rápido na história dos dois, o que torna o romance fácil e leve, cativando o leitor. 

Só achei que a mporte de uma personagem foi desnecessária. Mas, ainda assim são leiuras maravilhosas, que envolvem do começo ao fim o leitor!

Boa leitura!


Não se esqueça de me seguir nas redes sociais: