30/10/2017

Entre a Ruína e a Paixão - Sarah Mclean (Série O Clube dos Canalhas)


Oi gente,
Hoje é dia de continuar a resenha da série O Clube dos Canalhas!

Sinopse:
Uma noiva desaparecida na véspera de seu casamento. Um poderoso duque acusado de assassinato. Uma noite que mudou duas vidas para sempre.
Temple viu seu mundo desmoronar quando acordou completamente nu e desmemoriado em uma cama repleta de sangue. Destituído de seu título e acusado de assassinato, o jovem duque foi banido da sociedade. Doze anos depois, recuperou sua fortuna e seu poder como um dos sócios do cassino mais famoso de Londres, sua redenção surge quando a única pessoa que poderia provar sua inocência ressurge do mundo dos mortos.
Após doze anos desaparecida, Mara Lowe se vê obrigada a reaparecer quando seu irmão perde toda a fortuna da família nas mesas do cassino do homem cuja vida ela arruinou.
Temple quer provar a todos que é inocente e, sobretudo, se vingar e destruir a vida daquela mulher, enquanto Mara precisa enfrentar o passado para recuperar seu dinheiro. Assim, os dois formam um acordo obsceno que os une em um jogo de poder e sedução.
Mas ambos descobrem que a realidade esconde muito do que as aparências revelam e eles se veem em uma encruzilhada na qual precisam escolher entre lavar a honra do passado e garantir o futuro ou ceder ao desejo de se entregarem de vez à irresistível atração que sentem um pelo outro, mas que pode arruiná-los para sempre.


Envolvida COMPLETAMENTE com a série, eu li um livro atrás do outro! Sim, ser ansiosa e curiosa faz com que eu queira terminar logo uma série que eu amo, não porque eu quero me ver livre da história, mas porque eu quero conhece-la de uma vez!

O terceiro livro da série é CHEIO de reviravoltas. Temple, o canalha da vez, tem uma história, no mínimo inusitada,  sobre como ele foi acusado de um assassinato. Essa história tirou-o da alta sociedade, mas fez com que os associados de seu clube tivessem medo dele. A sociedade daquela época não deixava um escândalo desses impune de seus julgamentos e o nomearam como "o duque assassino", mesmo não tendo nenhuma prova de que ele matou a mulher misteriosa com quem se envolveu. As más línguas acreditavam que suas mãos estavam cheias do sangue de uma probre e indefesa dama.

Os rumores foram tantos que até Temple acreditava que era um assassino, pois ele não tinha claramente em sua mente os acontecimentos daquela noite.

"Há beleza no momento em que a carne encontra o osso. Ela nasce do impacto violento dos nós dos dedos contra o queixo e do baque surdo do punho contra o abdome, e do grunhido rouco que ecoa no peito de um homem na fração de segundo que antecede sua derrota. Aqueles que se deleitam com essa beleza, lutam. Alguns lutam por prazer. Pelo momento em que o oponente desaba no chão, levantando uma nuvem de serragem, sem forças, sem fôlego, sem honra. Alguns lutam pela glória. Pelo momento em que o campeão se agiganta sobre o adversário derrotado e alquebrado, coberto de suor, poeira e sangue. E alguns lutam por poder. Enfatizado pela tensão dos tendões e pela dor dos hematomas que virão, e que anunciam a vitória que chega com a promessa de despojos." - Capítulo 1 

Do outro lado da história nós temos Mara. Uma jovem que só queria algo mais da vida e não um casamento que era conveniente para sua família. Ela bolou um plano e fugiu. Em doze anos ela reconstruiu a sua vida, da melhor forma que conseguiu.

Mara acreditava que estava tudo bem, mas o destino precisava consertar um história antiga. Seu irmão, agora já um homem, que adora jogar inconsequentemente, tomava conta da fortuna da família. Infelizmente, não era aceito que as mulheres fossem donas e tomassem conta de seu dinheiro, pois se fosse, com certeza Mara não estaria em apuros. Seu irmão perdeu toda a fortuna da família contraíndo uma dívida no cassino e agora Mara teria que reencontrar o passado. Ele quer vingança e ela quer perdão.

"Mara apertou o casaco em volta do corpo, e agradeceu mentalmente a Lydia por convencê-la a comprar um sobretudo de inverno para suas excursões com os meninos, enquanto corria pela viela atrás do ateliê de costura, desesperada para encontrar alguma reentrância onde pudesse se esconder bem e esperar que Temple saísse. Ela fugiu enquanto o condutor da carruagem dele não estava olhando - o universo conspirando a seu favor para variar. Agora, ela precisava se esconder. Quanto mais perto do ateliê, melhor. Temple pensaria que ela saiu correndo. Ele iria calcular o tempo que teve e a distância que poderia ter percorrido, e verificaria esse raio. Ela só precisava ficar em silêncio e esperar que Temple passasse por ela. Ele jamais imaginaria que ela estaria por perto." - Capítulo 6

Sarah consegue surpreender cada vez mais o leitor. Sua escrita e suas histórias emocionantes fazem com que a leitura se desenrole tranquilamente, sem que se perceba o passar das horas. Vamos combinar que livros assim são os que mais fazem com que nos apaixonemos por ler.

A sinceridade dos dois personagens cria cenas hilárias, tensas e tristes. Mas o romance que nasce entre os dois e a entrega de cada um, pouco a pouco, sem perceberem,  é o que fez eu me apaixonar por esse casal. Uma mulher extremamente forte e corajosa e um homem impulsivo, forte e capaz de perdoar.

"O cassino do Anjo Caído estava lotado de jogadores. Durante a recuperação de Temple, na ausência de lutas em que pudessem apostar, os membros do clube se satisfaziam em torrar seu dinheiro em dados e cartas. E quando a questão era apostas, O Anjo acomodava alegremente os desejos de seus frequentadores, e toda a equipe - dos criados aos crupiês, das acompanhantes às cozinheiras - estava de prontidão para ajudar." - Capítulo 20

Apesar de Mara ser muito teimosa e Temple ser impulsivo, não tem como não torcer o tempo todo por um final feliz. A história cria diversas possibilidades para o futuro dos dois.

Um casal que combina em muitos aspectos, uma escrita que apaixona, dramas que nos fazem refletir e uma série que ganhou o meu coração.

Só posso dizer que agora eu quero ler vários livros da autora e indicar essa série para vocês. LEIAM!!

Boa leitura!


Leia outras resenhas da série:



Não se esqueça de me seguir nas redes sociais:

Comente com o Facebook: